Palestras‎ > ‎Shimbashira‎ > ‎

Assembleia Geral do Seinenkai

2013.08.13

As minhas felicitações a todos pela realização da Assembleia Geral da Associação dos Moços da Tenrikyo do Brasil, no dia de hoje. Agradeço sinceramente a todos os associados pelos esforços diários nas atividades da Associação dos Moços.

Nesta oportunidade, gostaria de expressar um pouco do meu pensamento.

Em 26 de outubro de 1838, devido à grande intenção de Deus-Parens, que expressou: “Revelei-me neste mundo para salvar toda a humanidade”, Oyassama foi determinada como Sacrário de Tsukihi. Desde então, ao mesmo tempo em que explicava a intenção divina através de suas palavras e através de seus escritos, veio demonstrando pessoalmente, durante longos cinquenta anos, o modelo da vida plena de alegria e felicidade. Em 26 de janeiro de 1887, devido ao intenso amor pelos queridos filhos, ocultou-se fisicamente, mas continua a nos proteger e orientar eternamente presente. Nós, que seguimos este Caminho, devemos trabalhar como instrumentos de Oyassama no intuito de corresponder a esse infinito amor parental.

A Associação dos Moços da Tenrikyo foi fundada em 1918, unindo o incessante fervor dos jovens no missionamento e na transmissão deste ensinamento à forte vontade de evoluir espiritualmente. Desde então, a Associação dos Moços vem desenvolvendo as atividades na posição de Arakitoryo.

Sobre o Arakitoryo, temos nos Hinos Sagrados:

Quando se dirigirem para montanhas adentro, levem o mestre madeireiro. (Hino XII, verso 8)

Dessa forma, o Arakitoryo, direcionado ao exterior, assim como quem desbrava as matas virgens, é o missionário que desbrava e abre novas fronteiras nos locais onde este ensinamento ainda não é conhecido; e direcionado ao interior, é a pessoa que busca voluntariamente aprimorar cada vez mais a própria fé. Em outras palavras, a missão da Associação dos Moços é avançar no missionamento e no aprimoramento do espírito postando-se na linha de frente do Caminho, tendo como objetivo a concretização do mundo de vida plena de alegria e felicidade.

Atualmente, a Associação dos Moços tem como meta básica:

“Refinar a fé na devoção única a Deus e promover as atividades missionárias”.

A devoção única a Deus é o espírito alinhado unicamente à intenção de Deus-Parens. Comparados aos mestres veteranos, os jovens possuem pouca experiência e a sua fé ainda é imatura. Por isso mesmo, é necessário o esforço voluntário em estabelecer o ensinamento no espírito. Ao mesmo tempo em que nos familiarizamos com os textos originais e aprendemos sobre a doutrina por iniciativa própria no dia a dia, devemos pensar em como agir para corresponder ao espírito de Deus-Parens. Através disso, a convicção da fé na devoção única a Deus irá se formando gradativamente.

Ainda, o principal trabalho da Associação dos Moços, que se empenha como Arakitoryo deste Caminho, é transmitir e expandir este ensinamento de todas as formas, tomando a liderança na dedicação ao missionamento. Talvez haja pessoas que pensem que a divulgação e a salvação sejam ações muito difíceis, mas é algo possível para qualquer pessoa, dependendo unicamente do uso espiritual no dia a dia. Mesmo dentro da rotina diária, creio que existem muitas oportunidades para fazermos a divulgação. Podemos conversar sobre o ensinamento sempre que surge alguma oportunidade, podemos convidar as pessoas próximas para participarem das atividades da igreja, mas o importante é ter a disposição de colocar isso em prática a partir daquilo que está ao nosso alcance. Sem negligenciar o esforço em assimilar a fragrância do Caminho, desejo que se dediquem com todo empenho na divulgação e salvação, munidos da coragem e do vigor peculiares dos jovens.

As atividades da Associação dos Moços são oportunidades para o associado evoluir espiritualmente. Ao aprenderem sobre o ensinamento, discutirem e praticarem as ações em conjunto, consegue-se polir cada vez mais a própria fé. Gostaria que todos os senhores participassem espontaneamente das atividades da Associação dos Moços, aprofundassem a fé na devoção única a Deus através dessas atividades e se dedicassem na prática do missionamento. Creio que dentro da participação ativa nas atividades em conjunto com muitos associados, a evolução espiritual de cada um irá seguramente avançando.

No ano 179 da Revelação Divina (2016), será celebrada a cerimônia dos 130 Anos do Ocultamento Físico de Oyassama. A época da cerimônia decenária de Oyassama é a época oportuna para dedicar esforços de forma unida e concentrada na evolução do espírito, correspondendo ao amor maternal de Oyassama, que deseja a salvação de todas as pessoas do mundo. A Associação dos Moços, com o slogan “vamos girar o turbilhão da salvação” tendo em vista os 130 Anos do Ocultamento Físico de Oyassama, está ativamente desenvolvendo as atividades de missionamento em união, manifestando plenamente a essência do Arakitoryo nas atividades decenárias. Desejo que todos tomem essa época oportuna da cerimônia decenária como uma oportunidade para a própria evolução e que se dediquem cada vez mais à divulgação e à salvação.

Na Indicação Divina é ensinado:

“Pode o mundo se consolidar se os jovens ficarem parados? A razão que não permite consolidar está no mundo. Todos os jovens devem trabalhar com firmeza. Se ficarem simplesmente parados, não há razão para o mundo desabrochar com esplendor como as flores.”   25 de setembro de 1901 (Ano 64 R.D.)

A todos os associados, desejo que daqui em diante também, desenvolvam as atividades com ânimo e união espiritual, munidos do fervor e do entusiasmo característicos do Arakitoryo.

Expressando esta expectativa, encerro a minha saudação.

13 de julho do Ano 176 da R.D.

Zenji Nakayama

Presidente Mundial da Associação dos Moços da Tenrikyo

Comments